miércoles, 7 de octubre de 2009

Laura Pausini emociona a 4 mil fans en São Paulo


Na apresentação desta terça-feira (6), em São Paulo, Laura Pausini cativou e emocionou os 4 mil fãs que lotaram o Credicard Hall. Com mais de duas horas de duração, o show conquistou o público tanto pelos sucessos como pelo carisma da cantora italiana.

Ajudada pelo som perfeito e pela banda afiada, Pausini esbanjou simpatia, falando bastante com a platéia e, o melhor, sempre em português, chegando até mesmo a responder galanteios de fãs mais exaltados. Não foi difícil fazer os presentes cantarem com ela do início ao fim do espetáculo, fosse em italiano, português, inglês ou espanhol.

Com 20 minutos de atraso, Laura entrou no palco às 21h50, abrindo o show com os sucesso “Mille Braccia” e “Ascolta Il Tuo Cuore”, que fizeram a platéia vibrar. Mas foi na terceira música, “Come se Non Fosse” que a cantora mostrou a que veio, fazendo a platéia cantar o refrão sem participação da banda.

O mesmo ritmo prosseguiu até “Strani Amore”, que marcou um dos pontos mais emocionantes da apresentação. Diante de uma platéia comovida, a cantora encerrou com um discurso dizendo que a canção pertence a todos e aproveitando para lembrar a versão de Renato Russo “que me ajudou a ser conhecida no Brasil. Fico feliz”.

Além de hits já esperados, como “Belíssimo Cosi”, “Vivimi” e “In Vece No”, Pausini apresentou algumas surpresas, como o cover de “Heal The World”, de Michael Jackson e um discurso contra o aquecimento global antes de “Le Cose Che Vivi”, com refrão cantado em português.

Outra das músicas mais celebradas foi a balada “La Solitudine”, cujo final ensaiou uma saída do palco. O público não acreditou e exigiu gritando e batendo os pés no chão a volta da cantora, que logo emendou com “Às Vezes Não”, versão em português de “Invece No”, seguida de um discurso comovido sobre a avó falecida, que terminou com a cantora chorando diante da platéia.

Após apresentar a nova “Con La Musica Alla Radio”, Laura divertiu o público dizendo que vai ao programa da apresentadora Hebe Camargo, reproduzindo com sotaque italiano o bordão “que gracinha”. Então, após “Primavera in Anticipo” a cantora encerrou de vez o show à 0h05 com uma tempestade de neve de papel.

Aliando profissionalismo e simpatia, o espetáculo deixou o público satisfeito como pouco se vê por aí. Quinze minutos depois do fim da apresentação, sob vento e garoa, ainda havia fãs exaltados do lado de fora, alguns deles chorando e pulando de felicidade por ter visto Laura Pausini. Impressionante, mas não desmerecido.

Para ver las fotos del concierto:


Vídeo del concierto " Mille Braccia ":


Copyright: La imagen de la noticia pertenece a Orlando Oliveira / Ag.News y ha sido extraída de http://ego.globo.com/ , todos los derechos reservados al autor de la foto.

0 comentarios:

Publicar un comentario